Seguir tendências nos copos

Seguir Tendencias Nos Copos

Apesar de a primeira máquina de lavar loiça doméstica ter sido desenvolvida nos anos 20, só começaram a ser mais usadas nos anos 50 - e mesmo aí eram um privilégio somente para os mais abastados. De fato, demorou mais 20 anos ou mais até que a máquina de lavar loiça começasse a ser comum em todas as casas.

Desde aí os copos - e a forma como são lavados - mudou dramaticamente. Aqui descobrimos como...

Anos 70
Como em tudo nesta era, os copos dos anos 70 eram baseados em cores, texturas e padrões loucos.

Os copos do dia-a-dia eram decorados com coisas desde personagens de banda desenhada a desenhos de flores. Estes desenhos iam desaparecendo ao longo do tempo como resultado da lavagem diária. Felizmente, as máquinas de lavar loiça evoluíram muito ao longo dos anos, e são agora capazes de lavar mesmo os copos mais delicados com cuidado.

Certos vinhos de toda a Europa eram bebidos em copos pesados, com texturas ornamentadas e muitas vezes coloridos. Não havia problema em vidro tão espesso ir à máquina de lavar loiça se tivesse a sorte de ter uma.

As canecas de cerveja tradicionais de vidro estampado estavam na moda. Perfeitas para terminar o barril da cerveja!

Anos 80
Os copos na primeira metade dos anos 80 eram bastante angulares - imagine os rapazes e as raparigas da cidade a beber em copos finos de champanhe em forma de v ou em copos de cocktail, normalmente com pés coloridos.

Com o avançar da década, a tendência tornou-se mais vitoriana. Copos de vinho, de xerez e de vinho do porto em vidro de corte e copos de whisky ornamentados tornaram-se populares em casas, e devido à sua natureza delicada, necessitavam de cuidados adicionais na lavagem.

Felizmente, graças ao avanço da tecnologia das máquinas de lavar loiça, estes estilos de copos podem ser lavados de uma forma segura na máquina de lavar loiça, para que não tenha que o fazer à mão!

Anos 90
Os copos do dia-a-dia normalmente tinham relevos - um pouco de decoração estava muito na moda. Estes copos eram também bastante duradouros e totalmente seguros para irem à máquina de lavar loiça.

Apesar de os copos de cerveja estarem também fora de moda com muitos a preferirem beber cerveja de uma lata ou garrafa, houve também um aumento no consumo de vinho. O Chardonnay, que começou a tornar-se popular nos anos 80, ajudou à escolha. Contudo, naquela altura, os copos eram muito mais pequenos (com uma capacidade de cerca de 25cl) e eram fáceis de empilhar na gaveta superior da sua máquina de lavar loiça.

2000 até agora
O custo dos copos do dia-a-dia baixou drasticamente - pode agora comprar uma embalagem com quatro copos simples, resistentes, seguros para irem à máquina de lavar loiça por cerca de 1€ num supermercado ou numa loja.

Os copos de vinho são maiores do que nunca, com taças largas e pés compridos, fazendo com que só possam ser lavados à mão por serem tão altos. Contudo, existe uma nova tendência para copos de vinho sem pé - mais fáceis de guardar, menos suscetíveis de partir e, claro, perfeitos para a máquina de lavar loiça.

Esta era viu também o ressurgimento dos cocktails e a partilha de copos de cocktail. Contudo, mais divertida é a recente moda de servir bebidas longas como os mojitos em jarros para beber - um copo parecido com um frasco de doce com uma asa semelhante às canecas de cerveja e por vezes até com uma tampa. Peculiar e prático.


Quer ainda esteja a saborear o seu Sauvignon em copos de pé alto cor de rosa dos anos 70 ou a beber cola num copo barato de 2015, certifique-se que escolhe os produtos certos para a máquina de lavar loiça. Para garantir que os seus copos continuam a brilhar, experimente Finish Abrilhantador. Este produto contém um ingrediente que protege o vidro, o que resulta nuns copos e loiça mais brilhantes e secos, para que não tenha que se preocupar com resíduos ou marcas de água e os seus copos ficarão como novos.